Origem do IGL

.A origem do IGL foi o Jardim Vovó Biela, escola de educação infantil, hoje anexada ao referido instituto.

Nascido de um sonho de adolescentes, suas fundadoras (por suas origens e vivências ligadas ao setor da educação), o IGL postula o caminhar compartilhado de uma escola, que pretende celebrar a vida alicerçada nos valores do passado, buscando preparar no presente o cidadão comprometido com o futuro.

Como toda instituição que se preza, o IGL tem em seu calendário, um dia que lhe é consagrado, em 25 de março, denominado “Dia da Patrona”, pois foi o dia de falecimento de Gabriela Leopoldina.

Para nós, idealizadores do IGL, a vida de Gabriela Leopoldina resume os fundamentos de uma doutrina educacional.

– Por acaso, foi ela uma conhecida pedagoga?
Não.

O seu curriculum vitae traz, em branco, o item escolaridade. Sem jamais ter frequentado uma escola, Gabriela Leopoldina, nossa avó paterna, bem merece o nome de mestra.

O que lhe faltou em conteúdo acadêmico, foi-lhe compensado na capacidade de amar, não no sentido vazio dessa palavra, às vezes, tão banalizada, mas no sentido cristão e pedagógico de conduzir, por vezes, impondo, quando necessário, mas sobretudo, inspirando. Não somente no âmbito familiar, mas também no meio social em que viveu.

Sempre cercada de jovens e crianças, as mais carentes, ela lhes proporcionava apoio material e afetivo. E mantendo, até a avançada idade de 88 anos, uma espécie de inesgotável mocidade interior, ela os cativou e fez de sua casa, de seu lar, uma efetiva sala de aula, onde ministrava lições de vida.

Assim, o IGL, cotidianamente, celebra sua existência feita de lutas, de encontros e desencontros e sobretudo de esperanças. Hoje, somos uma família constituída de:

  • 35 profissionais da educação: diretores, coordenadores e professores;
  • 12 funcionários
  • 413 alunos e seus respectivos familiares.

Sua força – Deus!
Sua busca – A vivência e preservação da dignidade humana.

  • PROJETO ARQUITETÔNICO DE REFORMA DO INSTITUTO GABRIELA LEOPOLDINA

    É com muita gratidão e alegria que compartilhamos o projeto de reforma do prédio principal do Gabriela Leopoldina! Nossa escola ficará ainda mais aconchegante e moderna para continuarmos servindo aos nossos alunos e aos seus familiares, por meio de uma educação de excelência.
    Música - Amanhecer - Mário Wamser (Gilvan de Oliveira e Fernando Brant)
    Escritório de Arquitetura Ana Beatriz Campos
    Projeto SketchUp - Camila Campos